Não tem preço que pague. Obrigado!

Escrito por Mhario Lincoln. em: 25/05/2015 | Atualizado em: 27/05/2015

Compartilhe

MEUS AMIGOS,

(*) Mhario Lincoln

Transito léguas submarinas em busca de tornar-me alguém que possa doar um pouco do que faço àqueles que compõem um pequeno universo de seguidores da poesia, da arte, da boa arte, da emoção, da boa emoção, da apoteose do belo na abóbada da literatura universal.

Navego ora em águas calmas, ora em águas turvas, as quais, me incitam ainda mais à profundidade do conhecimento. Estou fincado nesse karma abrangente ao jornalismo desde meus 14 anos, quando fui fotógrafo policial de um jornal de minha terra.

Cruzei muitas trilhas com meus passos e pegadas, mas, agora, confesso, nunca havia sentido nada parecido com a satisfação de ver tantas pessoas (cerca de 7.902, até o momento) acessando este trabalho. Na semana passada foram quase 5 mil. Hoje, quase 8 mil. Nada paga essa satisfação. Esse carinho que as pessoas têm para comigo. 

Tenho a certeza absoluta que não perdi meu tempo, naquela época, em que fui arauto da democracia e cobrei demais dos homens públicos de meu país quando escrevia diariamente coluna na imprensa brasileira. Mas, com meus insigths poéticos (inclusive lançando, no nível nacional, alguns nomes muito especiais pra mim) e a participação de dezenas de talentosos poetas brasileiros  e internacionais, como Heloisa BP, da Inglaterra, Aman Shirak, dos EUA e Humberto Napoleón Robalino,  de Quito (Ecuador), através da poeta Clevane Pessoa, tenho realizado meu grande sonho de participar dessa restrita amálgama, onde a arte é o metal mais precioso, concedendo a muitos, o brilho da paz, do amor, da emoção. É isso que a poesia e a arte em geral produzem, quando bem feita.

Portanto, sem nenhum de vocês eu não poderia ter atingido meu Nirvana. Sinceramente e emotivamente agradecido,

Mhario Lincoln, editor do www.mhariolincolndobrasil.com

 

***********************************************

Rogerio Martins

Grande Mhario, muito obrigado, por tão belas e inspiradas palavras. Só agora consegui abrir o texto e a sua página. Fiquei verdadeiramente impressionado com tudo que você escreveu sobre o meu trabalho, ao longo dos anos, especialmente com relação as sacadas. Mais uma vez, obrigado! Agora uma notícia de primeira mão: estou encerrando o ciclo dos casarões, de detalhes arquitetônicos da nossa querida São Luis. ..com uma nostalgia doída...sinto que cumpri meu dever com a cidade que me acolheu quase 40 anos. Novos rumos, nova vida...talvez uma cartase espiritual, emocional...sei lá, alguma coisa que foi imperiosa na minha tomada de decisão. Entro´neste momento, em período de pesquisa e estudo...um ano sabático com este fim. Estudos e reflexões sobre o que vou fazer no futuro próximo...ainda não sei. Grande abraço, amigo Mhario Lincoln

 

 

Carissimo Amigo Mhario Lincoln, vi o Seu convite no FB e vim de um "salto no éter"... tenho estado AQUI lendo e me encantando e me enriquecendo (TANTA COISA QUE EU NÃO SEI!)! amei TODOS OS POEMAS ainda que bem distintos uns dos outros. Li mais do que uma vez para saborear e sentir o SENTIR DO POEMA E DO POETA! Quero demais, pois como posso eu, na minha insignificância sentir o SENTIR DO POETA!?... Eu sinto o que eu sinto e entendo do VERSO_DOS VERSOS_; e sinto-me sim irmanada com o POETA atraves da Sua POESIA*****! Porém, bom Amigo, de uma coisa_UM SENTIR_ eu faco destaque: AS SUAS APRESENTAÇÕES E CRITICAS SÃO OUTROS TANTOS POEMAS EM FORMA DE PROSA! ADORO LER AS SUAS INTERVENCOES E APRESENTACOES! _AMEI A ENTREVISTA! So' lamento que o problema com a minha visao me impeca de estar mais tempo! PARABENS POR ESTA PAGINA POETICA QUE SEMPRE ME ENCANTA E ME PRENDE! Aceite meu Amigo Abraco e... continue SEMPRE neste ritmo e nesta dedicacao em nos OFERECER POESIA EM SUA BELEZA, mesmo quando em vez das Palavras temos os OLEOS E A ESPATULA, por exemplo:ADOREI AS PINTURAS!!!!! Ate' sempre meu Amigo.

Sabina Vassalo (Heloisa B.P.), Escritora, poeta, de Heloisa B.P (Sabina Vassalo) – Bath, Inglaterra.

 

Clevane Pessoa de Araújo Lopes <O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. >
Poeta, escritora, com vários livros publicados no Brasil e no exterior. (Minas Gerais).


Poesia tem lugar certo em S.Luiz: A Ilha do Amor.
Quando cheguei à capital maranhense, vi muros pintados com poemas de Ayoub.Livros de João Mohana nas livrarias, um presidente do País, nativo poeta, uma ponte com nome de um dos seus amigos, Bandeira Tribuzi, que deixou uma bagagem poética, uma Praça chamada Gonçalves Dias (“Minha Terra tem palmeiras, onde canta o sabiá”, diria em Canção do Exílio...Recentemente, uma poeta radicada na ilha, Dilercy Adler, organizou o Mil Poemas a Gonçalves Dias...Que lá, há poetas chegado e jamais idos, como o grande poeta paranaense KIKO CONSULIN, que edita a revista LOGOS e agora mora no Projeto Orla Viva, em São José de Ribamar, em São Luiz desde que lá morei. Augusto Pelegrini radialista, cantor de Jazz, autor de prosa e versos em livros, chegou de S.Paulo, para a Alumar e ficou, criou filhos, amaranhou-se (nosso Mhário Lincoln do Brasil, também radialista e autor apurado, guarda com carinho suas raízes e mora no Espírito Santo) ...Ferreira Goulart, expoente da Poesia- vivo ainda, autor do renomado Poema sujo... Luiz Augusto Cassas, que anda postando seus poemas excelentes no facebook, muita gente excelente, alguns decorados à força de tanto ler, qual Odylo, Costa, filho-que coloca essa indicação com inicial minúsculo, por não querer reduzir a memória de seu pai, que além dos poemas soltos esplêndidos, escreveu poemas de declamar de joelhos .meu ortopedista , de minha família recém chegada, o Dr.Cleomar Pinheiro-morto em acidente- enquanto receitava, mostrava-me seus poemas escritos nos plant~eos, vários de meus e minhas pacientes, também poetavam...Minha amiga a Dra.Maria do Socorro Veras, n então Hospital Materno Infantil, declamando seus poemas...E quantos pacientes adolescentes desenvolveram em meu consultório sua verve, como Rozalvo Júnior, hoje jornalista –que fazia terapia porque queria ser um, e é! ...En passant...
A Poesia pulsa na Ilha do amor, plena de folclores e lendas, de amorosidade e belezas naturais...Nosso amigo Mhário Lincoln do Brasil,por certo vai ,os publicará, no conta-gotas do tempo novo de ser e estar e quero voltar a escrever sobre essa plêiade inconteste e imensurável!

 

 

 

OSMAROSMAN AEDO, músico, poeta, escritor, de Salvador/BA)
Meu amigo Mhario
A versatilidade e qualidade com que é formatada essa página, levou-me crer, que não há mais lugar para surpresas esperadas... Surpreendeu-me mais uma vez ( não esperava ser mais uma vez bastava manter o que já é bom demais rs ), conhecer pessoas novas, com palavras novas e ideias novíssimas, num trançado de versos tão bem feitos e tão bem redigidos, que dobro-me em comunhão à minha compreensão e sinto-me parte de todos e de tudo isso, o que me causa um orgulho "danado" (baianês rs). Sinto-me lisonjeado por fazer parte e ser parte desse inteiro que você me presenteou através dessa veia artística que conhecemos de nome Vanice Zimerman. Obrigado por tudo. OSMAROSMAN AEDO.

 

 

Janaina/Ivan Sarney Ribeiro (ex-vereador, poeta, escritor, da Academia Maranhense de Letras, São Luís-Ma)
Amigo Mhario Lincoln,
Parabéns pela bela homenagem à nossa tradição cultural: a famosa tradição maranhense, do falar, do escrever, do ser, como algo que nos caracteriza, define e revela. Obrigado pela reprodução da entrevista que você, num momento muito especial, me deu o prazer conceder; de falar sobre mim e minhas ligações com as letras, as artes e com a política, também. Sua página presta imensa contribuição ao resgate de nossas tradições culturais, e resgata nossos valores, mostrando ao Brasil um pouco de nossas artes, de seus autores e seus cultores.
Um grande abraço, Ivan Sarney.

 

 

 

José Cassiano de Freitas, Formado em Direito, com especialização em Processo Civil e Mestrado em Direito

 Constitucional. Procurador de Estado, de Macapá-AP. Parabéns. Bela homenagem ao Maranhão, inclusive ao ex-

presidente Sarney.

 

 

 

 

Vanice Zimerman, poeta, escritora, vários livros publicados, (de Curitiba-Paraná).

Boa Mhario, bela Página de ler, reler e compartilhar! Bem-vinda interação das Artes, ótimas entrevista, parabéns pela sensibilidade, e parabéns a todos que participam!  Bjs, Vanice.

 

 

 

 

RoGER DAGÊERRE, poeta, escritor, com várias obras publicadas. Mora em São Luís-Ma.  Mhario, esse livro que vc mencionou em sua bela página, foi publicado em 1985 e minha filha Hanna nasceu em 04/08/1994. Ela sabia da existência do livro, mas não tinha apreciado um exemplar porque foi editado no Rio de Janeiro e esgotou. Quando você mostrou, ela teve duas surpresas: o modelo da capa e o soneto na contra capa com todas as palavras rimando. São surpresas como essa que valem à pena para todos nós. Obrigado.

 

 LuBarros 

(Promotora/Coordenadora de Eventos, São Luís-Ma)
Você conseguiu mostrar a beleza do Maranhão nesta página..Amo sua entrevista com Ivan Sarney(acho q vcs dois ficaram bem à vontade), uma lição de vida #superrecomendo.. Excelente escolha do artista plástico Rogério Martins,que talento!

 

 

De HELCIO SILVA, jornalista, blogueiro, ex-vereador de São Luís-Ma.

Vinha sozinho pelas ruas de Curitiba, neste sábado que já se vai, lembrando meus sonhos, que nunca passam!..., com a poesia que me deslumbra!.., que me acompanha!

Liguei o correio do éter e localizei o http://www.mhariolincolndobrasil.com/ - de Mhário Lincoln... É um amigo - poeta do outro mundo - lembrando outros poetas da minha terra que longe deixei, mas não esqueci...

Vi poesias e poemas, nas páginas do Mhario!... Poesias de José Sarney, José Chagas, Luis Augusto Cassas, Carlos Cunha, Nauro Machado, Carlos Alberto Lima Coelho, Augusto César Maia, Jurandy Leite, Ítalo Gondim, Ivan, Jesus Santos, especial de José de Oliveira Ramos... Todos poetas dos nossos tempos...

Carlos Cunha! Meu colega de Faculdade!... Está escrevendo poesia no céu... 

Um poeta que flutuava como a nuvem suave no encanto do amanhecer...

...Um pássaro canta! É o Bem-te-vi...

Anunciando o fim do entardecer... A noite está chegando!... Até mais ver!

Comentários  

0 #2 om saber 2José de Oliveira Ram 27-05-2015 09:54
Quero fazer uma revelação: estou me sentindo bem, aqui, com o Mhario, da mesma forma que me sentia bem com a colega Flor e aquele perfume inesquecível. Quero continuar - mas não chego sequer próximo dos poetas que frequentam o lugar. Vou escolher, definitivamente, ficar apenas na crônica. Se alguém tem que agradecer, esse alguém sou eu, pela oportunidade de "aparecer". Beijo no bigode. Ah, não tem bigodes, então beijo no coração. Pensando bem, você realmente não ficaria bem de bigodes. Só voltarei a falar com você quando estiver em casa, para onde "aviono" às 22 horas e chego no início do dia. Fui!
Citar
0 #1 Bom saberJosé de Oliveira Ram 27-05-2015 09:52
Mhario, ainda é manhã no Rio. A cidade continua linda, "absorvente" a cada dia que passa. Infelizmente, a onda de violência começa a incomodar e, aos poucos, chega na Zona Sul, o que mexe realmente com os governantes. Se estivesse estacionada na periferia, eles dariam um migué e a vida seguiria. Igual a "crise da água" em Sunpaulo, que eu nunca acreditei. Só se tivesse atingido Higienópolis, Jardins, Morumbi. Nesses bairros as pessoas não consomem água da Sabesp, mas, a francesa Perrier. Mulheres banham com espuma e podem usar pouca água. Pois, a violência que começa a incomodar, tem fortes tons políticos, como no nosso Maranhão, onde as viúvas trabalham diariamente por quebra de prestígio do Flávio Dino, atingindo as áreas da saúde e da segurança.
Citar